quinta-feira, 3 de março de 2011

Cruzamento perigoso!

Quando viajava com meus pais, nas férias, principalmente depois que aprendi a ler, adorava ler em voz alta as placas indicando as entradas para as cidades, nomes de rios, divisas de municípios, alertas e avisos sobre as condições das rodovias...

Adorava a mudança da paisagem, as comidas diferentes de cada lugar, a forma como as pessoas falavam que ia se transformando à cada trecho...

Ainda hoje, viajar faz parte da minha vida. Claro que viajar for fun é bem diferente que viajar a trabalho, mas em todas "as viagens" descobrimos algo, conhecemos outra forma de fazer as coisas, outra maneira de encarar a vida...

E as placas, continuam fazendo parte das estradas... mas neste novo século, as placas nas estradas informam e alertam não somente assuntos referentes a hidrografia, limites de velocidade ou obras na pista...


Esta, por exemplo, na rodovia SC 470, próximo a Campos Novos (SC), alerta, de forma subjetiva/objetiva para os problemas dos nossos "cruzamentos" atuais...

Alerta que o controle da velocidade é importante, assim como a utilização de preservativos para evitar transmissão de doenças... no cruzamento... Coisas que não faziam parte da "apostila" de educação sexual, na década de 70/80... e muito menos de placas na estrada...

Essa placa me fez pensar na velocidade dos relacionamentos que temos neste dia a dia apurado e tão superficial que vivemos, onde protelamos tantas atenções e carinhos aos que realmente fazem parte da nosa vida, aos que amamos... deixamos pra depois, correndo, correndo... sempre querendo mais horas para acrescentar às 24, sempre reclamando do tempo que não temos... mas sem perceber o tempo que não vivemos no presente, conscientemente... que deixamos ser "atropelado" por agendas lotadas de coisas que geralmente são supérfluas para uma vida plena e feliz!

É bom estar sempre alerta na estrada da vida... antes que a viagem acabe!